Skip to content
Depois de uma forte queda nos primeiros meses da pandemia, os preços dos combustíveis na bomba aumentaram desde meados do ano passado, conforme as atividades econômicas foram retomadas após a fase mais rígida do isolamento social contra a disseminação
O Ministério da Economia anunciou na última segunda-feira, dia 21, a redução total da tarifa de importação do etanol, tarifa 0%, até o final do ano e de outros seis produtos: café, margarina, queijo, macarrão, açúcar e óleo de
PREMISSAS Análise baseada em 26.709 postos e 851.679 de preços coletados de gasolina comum, etanol comum e diesel comum S500 em fevereiro 2022 na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP
A região sul do Brasil, terminou o ano de 2021 com uma das gasolinas mais cara, porém nesse início de 2022 o cenário mudou, pois os estados do Sul estão entre os “top cinco” dos estados de menor preço
O governo federal desistiu, conforme comunicado do presidente Jair Bolsonaro, que o governo está desistindo de enviar ao Congresso uma PEC (proposta de emenda constitucional) para reduzir os impostos sobre os combustíveis. A última proposta enviada a mais ou
PREMISSAS Análise baseada em 485.829 coletados de gasolina comum na plataforma de análise da Fuellog durante as semanas do mês de janeiro de 2022. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP e em média 80% das
PREMISSAS Análise baseada em 27.150 postos e 822.353 preços coletados de combustíveis nas três semanas de janeiro na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP, e, em média, 80% das coberturas
O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) deu início a um inquérito para investigar se a Petrobras cometeu infração à ordem econômica com o recente reajuste nos preços de combustíveis. Na última semana, a Petrobras anunciou o reajuste nos
O Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ), havia realizado um congelamento, por 90 dias a partir do dia 1 de novembro de 2021, do Preço Médio Ponderado ao consumidor Final, valor base para o cálculo do ICMS na venda
A Petrobras anunciou na última terça-feira, dia 11 de janeiro, o primeiro aumento do ano para a gasolina e para o diesel, que passou a vigorar ontem, 12 de janeiro, um reajuste de R$ 0,15 por litro na gasolina
PREMISSAS Análise baseada em 28.827 postos e 1.034.619 de preços coletados de gasolina comum, etanol comum e diesel comum S500 em dezembro 2021 na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP
Essa semana a Petrobras anunciou uma redução no preço da gasolina que passou a vigorar na última quarta-feira, 15 de dezembro, uma redução de R$ 0,10 por litro, nas refinarias o combustível deverá ser comercializado em média a R$
PREMISSAS Análise baseada em 28.060 postos e 1.001.336 de preços coletados de gasolina comum, etanol comum e diesel comum S500 em outubro 2021 na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP
A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou nesta última terça-feira, 07 de dezembro, o projeto que muda a política de preços de combustíveis da Petrobras. O texto aprovado vai para apreciação no plenário do Senado. O projeto
O preço da gasolina vem apresentando uma certa estabilidade nas últimas semanas, com alguns postos revendedores cedendo ou subindo ligeiramente em relação à semana anterior, porém o cenário pode mudar esta semana após mais informações sobre a nova variante
PREMISSAS Análise baseada em 27.150 postos e 822.353 preços coletados de combustíveis nas três semanas de novembro na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP, e, em média, 80% das coberturas
PREMISSAS Análise baseada em 27.150 postos e 822.353 preços coletados de combustíveis nas três semanas de novembro na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP, e, em média, 80% das coberturas
A Agência Nacional do Petróleo (ANP) aprovou por meio da Resolução ANP 858/2021 que altera regras relativas à comercialização de combustíveis criando uma série de alterações visando aumentar a eficiência no mercado de combustíveis no Brasil, são elas: Regulamentação
PREMISSAS Análise baseada em 26.819 postos e 427.403 de preços coletados de preços dos combustíveis na semana de novembro (08/11 à 14/11) na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP, e,
A Petrobras informou que deve anunciar mais aumento da gasolina, o novo reajuste deve ser em torno de 2,5%, mas pela quinta semana seguida observamos um aumento nos valores praticados pelos postos revendedores. Segundo levantamento da Agência Nacional do
PREMISSAS Análise baseada em 26.819 postos e 427.403 de preços coletados de combustíveis na primeira semana de novembro (01/11 à 07/11) na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP, e, em
PREMISSAS Análise baseada em 28.060 postos e 1.001.336 de preços coletados de gasolina comum, etanol comum e diesel comum S500 em outubro 2021 na plataforma de análise da Fuellog. A cobertura da Fuellog representa 67% dos postos da ANP
Na última sexta-feira, 29 de outubro, na 339ª Reunião Extraordinária do Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ), foi aprovado de forma unanime o congelamento, por 90 dias a partir do dia 1 de novembro de 2021, do Preço Médio
Análise baseada em 26.247 postos revendedores e 3.463.360 preços coletados até outubro/2021. Após o anúncio do último 08 de outubro, o aumento registrado foi de R$ 2,78 para R$ 2,98, ou seja, R$ 0,20 no preço da refinaria. Considerando
A Petrobras anunciou um novo aumento da gasolina que passa a vigorar hoje, 26 de outubro, um reajuste de R$ 0,21 por litro, nas refinarias o combustível deverá ser comercializado em média a R$ 3,19 por litro, um aumento
Nos últimos anos, a Petrobras vem reduzindo a produção interna de combustíveis, inclusive com a privatização de refinarias, e no último dia 19/10 afirmou, em nota, que não deve conseguir atender a todos os pedidos de fornecimento de combustíveis
Petrobras informou que não conseguirá atender todos os pedidos de fornecimento de combustíveis para novembro. Distribuidoras afirmam que diferença atual entre os preços internacionais e os praticados pela estatal desestimulam importação e podem deixar gasolina e diesel mais caros.
A Câmara dos Deputados aprovou no dia 13 de outubro, o projeto que muda o cálculo da tributação que tem como objetivo gerar uma redução nos preços dos combustíveis. Os combustíveis fazem parte do regime de substituição tributária, ou
O ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços incide em todas as etapas de uma cadeia produtiva (da fabricação até a venda ao consumidor final). Dessa maneira, o aumento do imposto aplicado em qualquer uma das etapas
O presidente Jair Bolsonaro, realizou na última quinta-feira (30), uma transmissão semanal em que comentou sobre a sua vontade de repassar os dividendos da Petrobras a um fundo regulador que poderia controlar a alta dos combustíveis. Segundo o chefe